Canal Brasil-China

Notícias sobre as atividades desenvolvidas pelo CEBC, empresas associadas e instituições parceiras.

Pesquisa aponta oportunidades para investimentos da China

O estudo “Oportunidades de Comércio e Investimento na China para setores selecionados” será apresentado em evento gratuito em SP

O Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) lançam dia 26, em São Paulo, a pesquisa Oportunidades de Comércio e Investimento na China para Setores Selecionados, um estudo que analisa as oportunidades de negócios para empresas brasileiras no país asiático considerando os setores de carnes (bovina, de frango e suína), suco de laranja e outros sucos, café, celulose, soja e calçados. O evento, aberto ao público, terá dois painéis, que contarão com a participação de empresários das indústrias analisadas na pesquisa, como Marcos Jank, Diretor Global de Assuntos Corporativos da BRF, e Ibiapaba Netto, Diretor Executivo da Citrus BR, entre outros executivos. Estarão presentes também Ivan Ramalho, Secretário Executivo do MDIC, Maurício Borges, Presidente da Apex-Brasil, e o Embaixador Sergio Amaral, Presidente da Seção Brasileira do CEBC. Os debates acontecerão no Hotel Tivoli, em São Paulo, das 14h às 18h30.

Para o estudo, foram realizadas entrevistas com empresas e associações referentes a esses setores com o objetivo de levantar e discutir oportunidades de comércio e investimento. Os dados são um compilado de informações dos anos 2003 a 2013, analisados durante 2014. Acontecimentos-chave do último ano também são indicados na pesquisa. “Até 2013, o Brasil estava ganhando com o saldo das importações das commodities, que traziam receita para o país, mesmo com o problema da exportação dos manufaturados que afetam a indústria. Porém, o aumento das commodities em 2014 mostrou que é preciso achar soluções práticas e rápidas para virar o jogo e manter a parceira com o promissor mercado chinês. Para contribuir com essa discussão, a pesquisa analisou a viabilidade de ingresso neste mercado através de investimentos, como a receita do setor, os custos de produção e margens de lucro”, comenta o coordenador da pesquisa, André Soares.

As inscrições podem ser feitas clicando AQUI.

Evento: Lançamento da Pesquisa “Oportunidades de Comércio e Investimento na China para setores selecionados”

Data: 26/02/2015
Horário: 14h00 – 18h30
Local: Hotel Tivoli
Endereço: Alameda Santos, 1437, Sala Liberdade – São Paulo

O CEBC realizou, no dia 10 de dezembro, a Assembleia Geral Extraordinária entre as empresas associadas. O encontro foi realizado no escritório do Veirano e na ocasião foi discutida a visão de médio prazo da instituição e as diretrizes para o Plano de Trabalho 2015, além de ter sido aprovado o relatório de contas da administração relativas ao exercício de 2013.

O Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC), em parceria com Apex-Brasil, Confederação Nacional da Indústria (CNI) e Confederação Nacional do Transporte (CNT), promoveu, no dia 16 de julho, em Brasília, Seminário para empresários dos dois países com apresentação de painéis sobre agronegócio, infraestrutura, indústria e serviços. O Seminário, que marcou 10 anos do Conselho e 40 da parceria sino-brasileira, contou com cerca de 300 representantes de ambos os países. Foram discutidas as necessidades de diversificar as negociações entre as duas nações e de melhorias nos sistemas de logística para avançar o desenvolvimento em território brasileiro. A China é, hoje, o principal parceiro comercial do Brasil e as transações entre os dois países, em 2013, registraram recorde de US$ 83 bilhões. Além disso, as trocas bilaterais, tradicionalmente sustentadas pela exportação de commodities, passam agora a abranger um maior escopo, que incluí a atração de investimentos para o País.

O evento teve a participação de palestrantes como o Ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, o Presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, o Diretor do Departamento de Desenvolvimento do Ministério de Comércio da China, Sun Chenghai, o Presidente do BNDES, Luciano Coutinho, entre outros. O evento contou, ainda, com rodadas de negócios com apresentação de projetos para empresários chineses. A programação ocorreu paralelamente ao encontro de presidentes dos BRICS no Brasil.

 

Para acessar as fotos do evento, clique aqui

Durante a visita do Presidente da República Popular da China, Xi Jinping, ao Brasil, entre os dias 16 e 17 de julho, o Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) realizou, em Brasília, a Reunião Bilateral Anual. O evento marcou o momento atual de aproximação e reconhecimento mútuo de ambas as nações como parceiras estratégicas, e o encerramento contou, pela primeira vez, com a presença dos Presidentes dos dois países.  Na ocasião, foram assinados o Plano de Trabalho Conjunto entre as partes e a concretização de acordos empresariais.

Entre os acordos empresariais assinados na Reunião Bilateral Anual, está a implantação de um Centro de Inovação com laboratório a ser instalado no Brasil com o objetivo de desenvolver a tecnologia UBB (Ultra Banda Larga) e investimento de 1,21 bilhões de dólares para construção de uma fábrica em Maracaju para fabricação de fermentação e biomedicina, com geração de aproximadamente 1.300 empregos diretos. Na Reunião Bilateral Anual do CEBC, além de autoridades empresariais e governamentais, estiveram presentes o Embaixador Sergio Amaral e Liu Mingzhong, Presidentes das duas seções do CEBC, o Diretor de Assuntos Internacionais do Banco Central, Luiz Pereira; o Presidente da Vale, Murilo Ferreira; o Presidente da State Grid, Liu Zhenya; o Presidente do Bank of China, Tian Guoli; o Vice-Presidente da BRF, Marcos Jank, entre outros.

O evento teve o patrocínio das instituições: Bank Of China, Bradesco, BNDES, Odebrecht e Vale.

Para acessar as fotos do evento, clique aqui

O Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) realizou nesta quinta-feira, 06 de junho, reunião preparatória para a visita presidencial chinesa, com o Ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo Machado, e um grupo restrito de empresários das principais empresas associadas ao Conselho. O objetivo do encontro foi promover um diálogo entre o Governo e o CEBC sobre o estágio atual das relações econômico-empresariais Brasil-China de modo a servir de subsídio para as atividades que ocorrerão em função da visita presidencial chinesa ao Brasil. Estiveram presentes na reunião, representantes das empresas: Banco do Brasil, Bradesco, Bunge, Comexport, Embraer, Vale, Veirano Advogados, Odebrecht e Sertrading. A visita oficial do Presidente da República Popular da China, Xi Jinping ao Brasil, ocorrerá no período de 16 a 18 de julho de 2014, e o Conselho está programando uma série de atividades, dentre elas, a Reunião Bilateral Anual entre a Seção Chinesa e a Seção Brasileira do CEBC e um Seminário Empresarial, que contará com a presença da delegação chinesa que acompanha o Presidente Xi Jinping e dos membros das Seções Brasileira e Chinesa do Conselho.

Para conferir as fotos do evento, clique aqui.

Páginas

Fuso

Câmbio

Fale com as Embaixadas:

Informações Uteis